Skip to content

Foi a 33ª Concentração do Moto Clube de Faro

22 de Agosto de 2014
Opinião de VL Luis – A cidade e o Moto Clube de Faro estão de parabéns por estes 33 anos, aliás como todos os motociclistas. Contudo parece ser uma idade crítica: Cristo também tinha 33 anos quando foi crucificado e foi vítima tanto dos que o consideravam uma ameaça , como de quem lavou as mãos para não se meter ao barulho. Bem, isso foi há muito tempo e o Império Romano já bateu as botas. Cá em Portugal o império também já se foi. Agora evoluímos; vivemos num país de regime feudal em que quem é mandatado para exercer uma função pública tem tendência a aplicar a lei como se fosse o seu reino, querendo cobrar e impor o poder sobre os que têm iniciativa para FAZER COISAS. Até parece que há uma certa inveja e desejo de vingança através do excesso de zelo premeditado. – É como se pensassem : ” Então queles gajos do Moto Clube de Faro- oficial pensam que podem fazer o que quiserem, sem prestar vassalagem a ninguém???” .
Foto de VL Luis.
É bom lembrarmo-nos que durante muitos anos as instituições que agora vêm cobrar e impor o seu poder a coberto da “lei”, não mexeram uma palha. Tinha que ser o Moto Clube de Faro- oficial a regular o trânsito na zona da concentração, e a intersectar os palermas que andavam a fazer cavalinhos na zona da BP junto ao Forum Algarve. Mesmo na Praia de Faro teve que ser inicialmente o Clube a tentar controlar os vândalos que nem sequer estavam inscritos na concentração.
Foto de VL Luis.
Foto de VL Luis.
Ainda nem havia legislação específica, e os festivais de música estavam no início, já o Clube realizava um plano prévio para a implantação da concentração, incluindo mesmo uma maqueta. Já nesse tempo a concentração tinha um hospital de campanha, serviço de bombeiros, segurança eficaz, serviços de limpeza e saneamento, local para acolhimento de crianças, regulação da circulação interior com delimitação de sectores de acampamento separados da circulação de veículos, com a proibição de rateres, piões e manobras parvas com as motas, etc… etc…
Foto de VL Luis.
fotos VL Luis 
Ainda não tinha existido a EXPO-98 e já o Clube tirava partido de serviços de voluntariado e da colaboração amigável com os ostros clubes para o funcionamento do evento. Como comentava o Braza Tavares num outro post, a chave está no “espírito de grupo”; dir-se-á também na capacidade de coordenação e na ação colaborativa para resolver problemas, de boa fé.

É justo perguntar : “Querem ensinar o quê a quem?” (Querem mostrar que mandam, Tá bem…)
Enfim…. é mais um evento com dimensão e reconhecimento internacional que é VÍTIMA daqueles que se agarram ao poder porque não sabem emigrar, mas deviam. (este comentário não se refere a este governo ou a qualquer outro anterior; refere-se sim a uma doença endémica que existe em Portugal há muitos anos : “Quem quer fazer alguma coisa só tem obstáculos e chatices” .- E depois venham cá falar em Empreendedorismo..

VL Luis

Anúncios
No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: