Saltar para o conteúdo

“SECRETÁRIO DE ESTADO OFENDEU ALGARVIOS. EXIGE-SE PEDIDO DE DESCULPAS EM DEFESA DA HONRA DA REGIÃO” SFC

6 de Março de 2014

“A ameaça de que para requalificar a EN125 (que foi abandonada durante anos pelos governos e com imposição de portagens na A22) cortará noutros investimentos, não é tolerável. Eixo ferroviário Algarve/Andaluzia e fim das portagens são vitais para o futuro”, critica a Aliança Salvar Faro com Coração (SFC), em nota de imprensa que transcrevemos:

Imagem

“A reunião no Algarve sobre infraestruturas de transportes de elevado valor acrescentado (realizada no final da passada semana na CCDTA – Faro) não podia ter corrido pior. Correu mal, porque se apresentaram com uma “mão cheia de quase nada”  e correu também muito mal, porque o Secretário de Estado dos Transportes, perante as justas e responsáveis insistências pela requalificação da EN125 e variantes, com ar ameaçador permitiu-se ofender os algarvios ao  dizer que  para isso teriam que se cortar noutros investimentos!…

Em vez de pedir desculpas pelo facto de estarem paradas as obras de uma subconcessão que o Estado fez há cinco anos, passou ao ataque pretendendo para o Algarve uma forte penalização. Que já é dupla, com os enormes atrasos na requalificação e portagens na Via do Infante, e que seria tripla ao querer anular outros investimentos essenciais. O Terreiro do Paço continua a não querer perceber, nem ligar, que a EN 125 é uma estrada de morte, que bloqueia a economia e sociedade algarvias e despromove o Algarve perante os estrangeiros,

Foi uma atitude não tolerável, que exige um pedido de desculpas do Governo, ainda mais justificado pelo facto das forças vivas da região terem participado com elevação no debate, e obviamente com marcha atrás na intenção.

 Imagem

Foi esta uma das conclusões da análise serena mas profunda que a Aliança Cívica “Salvar Faro” fez da situação, nomeadamente tendo em conta que se está perante os investimentos a realizar na próxima década ou mais. O momento é decisivo, pois está em causa um futuro de longo prazo.

Por outro lado, segundo os estudos feitos pela Aliança Cívica e o que é sentido pelos algarvios, o Algarve está perante uma crise profunda, elevado desemprego e um futuro sombrio, com um tecido produtivo em geral debilitado e um setor turístico com centenas de milhar de camas sem ocupação durante grande parte do ano, o que arrasta e arrasa a restauração, bares, comércio, serviços, etc.

Além de outras medidas, para atrair visitantes em número suficiente e combater a sazonalidade, é absolutamente indispensável abrir o eixo ferroviário Algarve/ Andaluzia e pôr fim às portagens, à conquista dos 8,5 milhões de andaluzes aqui mesmo ao lado. E será com esta visão larga de futuro que se remodelará a linha férrea do Algarve, com novo traçado circundante à Cidade de Faro e com ligação ao Aeroporto.

Relevantes são também os portos comerciais e cruzeiros de Portimão e Faro (tem que ser operacionalizado com a vertente turística) e docas de recreio, no caso de Faro sempre prometida mas sem avançar.

No interesse regional e nacional (forte contributo do turismo do Algarve na venda de bens e serviços ao exterior), com clareza e sem subserviências e forte união de cidadania, temos que exigir de Lisboa respeito e aquilo que é de direito”, conclui a Aliança Cívica ” Salvar Faro” 

A reunião no Algarve sobre infraestruturas de transportes de elevado valor acrescentado não podia ter corrido pior. Correu mal, porque se apresentaram com uma “mão cheia de quase nada”  e correu também muito mal, porque o Secretário de Estado dos Transportes, perante as justas e responsáveis insistências pela requalificação da EN125 e variantes, com ar ameaçador permitiu-se ofender os algarvios ao  dizer que  para isso teriam que se cortar noutros investimentos!…

Em vez de pedir desculpas pelo facto de estarem paradas as obras de uma subconcessão que o Estado fez há cinco anos, passou ao ataque pretendendo para o Algarve uma forte penalização. Que já é dupla, com os enormes atrasos na requalificação e portagens na Via do Infante, e que seria tripla ao querer anular outros investimentos essenciais. O Terreiro do Paço continua a não querer perceber, nem ligar, que a EN 125 é uma estrada de morte, que bloqueia a economia e sociedade algarvias e despromove o Algarve perante os estrangeiros,

Foi uma atitude não tolerável, que exige um pedido de desculpas do Governo, ainda mais justificado pelo facto das forças vivas da região terem participado com elevação no debate, e obviamente com marcha atrás na intenção.

Foi esta uma das conclusões da análise serena mas profunda que a Aliança Cívica “Salvar Faro” fez da situação, nomeadamente tendo em conta que se está perante os investimentos a realizar na próxima década ou mais. O momento é decisivo, pois está em causa um futuro de longo prazo.

Por outro lado, segundo os estudos feitos pela Aliança Cívica e o que é sentido pelos algarvios, o Algarve está perante uma crise profunda, elevado desemprego e um futuro sombrio, com um tecido produtivo em geral debilitado e um setor turístico com centenas de milhar de camas sem ocupação durante grande parte do ano, o que arrasta e arrasa a restauração, bares, comércio, serviços, etc.

Além de outras medidas, para atrair visitantes em número suficiente e combater a sazonalidade, é absolutamente indispensável abrir o eixo ferroviário Algarve/ Andaluzia e pôr fim às portagens, à conquista dos 8,5 milhões de andaluzes aqui mesmo ao lado. E será com esta visão larga de futuro que se remodelará a linha férrea do Algarve, com novo traçado circundante à Cidade de Faro e com ligação ao Aeroporto.

Relevantes são também os portos comerciais e cruzeiros de Portimão e Faro (tem que ser operacionalizado com a vertente turística) e docas de recreio, no caso de Faro sempre prometida mas sem avançar.

No interesse regional e nacional (forte contributo do turismo do Algarve na venda de bens e serviços ao exterior), com clareza e sem subserviências e forte união de cidadania, temos que exigir de Lisboa respeito e aquilo que é de direito”, conclui a Aliança Cívica ” Salvar Faro”

No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers gostam disto: