Saltar para o conteúdo

ALGARVE APOSTA NO TURISMO CULTURAL

24 de Janeiro de 2014

O presidente da Região de Turismo do Algarve (RTA), Desidério Silva, reuniu-se com a nova diretora regional da Cultura, Alexandra Gonçalves, para definir linhas de atuação em conjunto no segmento dos circuitos turísticos, religiosos e culturais. A valorização da gastronomia pela Dieta Mediterrânica, recentemente classificada Património Imaterial da Humanidade pela UNESCO, a dinamização da candidatura de Sagres a Paisagem Cultural da Humanidade com o Município de Vila do Bispo e a promoção de itinerários dedicados aos Descobrimentos e à presença islâmica estão entre as parcerias já em curso.

Sao Lourenco Almancil_foto Helio Ramospics«Vamos intervir mais ativamente no turismo cultural para atenuar a sazonalidade e completar a oferta do destino», esclarece Desidério Silva. «Um dos primeiros passos será a identificação, pela Direção Regional da Cultura, dos recursos culturais que podem potenciar a atividade turística», revela. A estratégia passará também pela «formação dos colaboradores» ao serviço dos postos de turismo, bem como pelo «ajustamento dos horários de funcionamento dos museus e monumentos» aos ciclos da procura turística, conclui o presidente da RTA.

Por fim, está prevista a realização durante o primeiro semestre do ano de um encontro ao mais alto nível para debater a união do Turismo e da Cultura, iniciativa que reunirá os dois responsáveis regionais, os secretários de Estado do Turismo e da Cultura e individualidades do meio académico, empresarial e jornalístico de ambas as áreas.

Além do projeto «Descubriter – Rota Europeia dos Descobrimentos», que junta o Algarve a Andaluzia na promoção da cultura, história e património das navegações no território de onde partiram as primeiras expedições marítimas do mundo, a RTA integra o «UMAYYAD», projeto transfronteiriço que vai criar um itinerário turístico-cultural nos países da bacia do Mediterrâneo para divulgação do património árabe comum.

A Região de Turismo participa ainda na «Rede de Judiarias de Portugal», que conjuga a valorização histórica e patrimonial com a promoção turística da herança judaica, e gere o plano de ação e salvaguarda da Dieta Mediterrânica, que visa a divulgação de produtos locais e estilo de vida associado em feiras de turismo e campanhas multimeios.

fonte RTA

No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers gostam disto: